Entre Pindorama e Almas

Governo substitui ponte de madeira por estrutura de concreto na TO-040

11/09/2019 11h56 - Atualizado em 11/09/2019 12h04
Foto: Divulgação
Vigas estão sendo fabricadas no sede da Residência Rodoviária de Porto Nacional

O lançamento das vigas de concreto será iniciado na próxima segunda-feira, 16, e a previsão é de que os serviços sejam concluídos antes do início do período chuvoso.

O Governo do Tocantins, por meio da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), está executando a substituição da ponte de madeira por uma estrutura de concreto armado sobre o Córrego Jesuíta, na rodovia TO-040, no trecho entre Pindorama e Almas. A instalação das vigas de concreto será iniciada na segunda-feira, 16, e a previsão é de que os serviços sejam concluídos antes do início do período chuvoso.

A construção da média estrutura, das vigas de concreto, bem como a mão de obra de implantação de toda a estrutura foram realizadas pelos servidores da Residência da Ageto de Porto Nacional. A ponte tem 4 m de largura por 10 m de comprimento, distribuídos em dois vãos. Serão utilizadas 16 vigas de concreto ao custo total de R$ 28,8 mil.

Pecuária

A construção de uma ponte de concreto sobre o Córrego Jesuíta é um sonho antigo dos moradores e criadores de gado da região, que é um importante centro de produção pecuarista para os municípios do entorno. O trecho tem um tráfego de caminhões boiadeiros muito intenso.

De acordo com o engenheiro, coordenador da Residência da Ageto em Porto Nacional, Geraldo Majella, a substituição da madeira da ponte por concreto é muito importante para contribuir com o desenvolvimento regional. Ali é uma grande região pecuarista do estado”, afirmou.

 

Veja Também