Em Itacajá

Pai descobre que filha foi estuprada após encontrar preservativo no quintal

10/05/2019 09h47 - Atualizado em 10/05/2019 09h54
Foto: Ilustrativa

Encontra-se recolhido na carceragem da Cadeia Pública de Colinas do Tocantins um homem de iniciais A.A.S, de 41 anos de idade.

Ele é suspeito de estuprar uma criança de 10 anos de idade, na cidade de Itacajá, no final do ano de 2018, e foi capturado por policiais civis da Delegacia local, comandados pela delegada Jeannie Daier de Andrade, em decorrência de cumprimento a mandado de prisão preventiva, expedido pelo juízo da Comarca de Itacajá.

Conforme apontaram as investigações da equipe da DPC de Itacajá, o suspeito era amigo dos familiares da vítima e aproveitou-se da confiança que os pais depositavam nele para estuprar a menina em várias ocasiões.

A pequena vítima somente relatou os fatos aos genitores após o pai chegar em casa, depois de passar um final de semana trabalhando, e encontrar um preservativo no quintal de sua propriedade.

Ao questionar sua esposa sobre o objeto, a criança, então, relatou a violência sofrida e os pais registraram boletim de ocorrência.

No decorrer dos trabalhos policiais, a menina foi encaminhada ao IML, foi submetida a exame de corpo de delito, sendo confirmado o estupro.

Desse modo, a delegada Jeannie Daier representou, junto ao Poder Judiciário, pela prisão de A.A.S, a qual foi deferida e cumprida nesta quinta-feira.

Após ser preso, o indivíduo foi conduzido à sede da Delegacia de Itacajá, onde foi ouvido pela autoridade policial e, logo após a realização dos procedimentos legais cabíveis, passou à custódia do sistema prisional.  

Por: Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins

Veja Também