Palmas - TO sexta, 19 de abril de 2019

Produtos da Páscoa serão averiguados pela Metrologia Estadual

Operação Páscoa

15/04/2019 11h19 - Atualizado em 15/04/2019 11h30
Foto: divulgação

Nesta terça-feira, 16, a Agência de Metrologia, Avaliação da Conformidade, Inovação e Tecnologia do Estado do Tocantins (AEM-TO) realiza os ensaios metrológicos nos produtos alvos da Operação Páscoa, na área de Pré-Medidos. Ovos e coelhinhos de chocolate e a Colomba Pascal passarão por testes laboratoriais para averiguar a pesagem, a análise da quantidade descrita nas embalagens dos produtos e para saber se eles de fato correspondem ao conteúdo.

Para a Operação Páscoa foram recolhidos produtos de marcas diversas como Nestlé, Garoto, Choco Soy, Lacta, Cacau Show, Hershey’s, Kinder, Ferrero Rocher em estabelecimentos comerciais em Palmas.

A operação faz parte das ações pactuadas junto ao Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). Para sua realização, os fiscais da Metrologia Estadual recolhem produtos das diversas marcas ofertadas ao consumidor e atendem à normativa do Inmetro de recolhimento de 13 unidades de cada produto para os testes laboratoriais, que podem ser acompanhados pelos fabricantes, que são informados por meio de carta convite de todo o processo e trâmite legal.

De acordo com o presidente da AEM, Rérison Antonio Castro Leite “a agência atua de forma preventiva para eliminar possíveis irregularidades e para garantir ao consumidor as compras seguras. O nosso objetivo é assegurar que os produtos sejam comercializados dentro das normas e padrões legais”, destaca o presidente.

Produtos Pré-Medidos

A Metrologia Estadual reforça que o produto pré-medido é aquele que é embalado e medido sem a presença do consumidor e que se encontra em condições de comercialização.

A equipe da AEM lembra que todo produto, seja ele industrial ou artesanal, ao ser exposto em estabelecimento comercial deve conter uma embalagem própria com o rótulo descrevendo o peso bruto do produto. Isso significa que o ovo de chocolate artesanal, ao ser exposto comercialmente, é passível de fiscalização metrológica. Além disso, o Ovo de Colher deve ser comercializado por peso e não por unidade, porque a medida do produto é massa.


Cejane Borges / Governo do Tocantins

Veja Também