Palmas - TO sexta, 19 de abril de 2019

Bayern anuncia que Lewandowski e Coman não serão punidos

Briga em treino

12/04/2019 14h48 - Atualizado em 12/04/2019 14h50
Foto: Divulgação

A briga entre Robert Lewandowski e Kingsley Coman no treino de quinta-feira foi o principal assunto na coletiva de imprensa do Bayern de Munique nesta sexta-feira. O clube alemão esperou 24 horas para se pronunciar e comunicar que nenhum dos atletas será punido após o incidente, que necessitou da intervenção do time todo para conter a troca de socos e ofensas entre os companheiros.

Foi o próprio técnico Niko Kovac que conversou sobre o assunto com os jornalistas.

– Houve uma briga entre os dois jogadores. Então conversamos nós três. Ambos se desculparam, então não há multas ou penalidade. O tema foi colocado como ata. Há emoções no treinamento e você também pode transformá-lo positivamente: nós estamos vivos! – disse o técnico.

O jornal “Bild” fez até uma charge na edição desta sexta-feira para mostrar como teria sido o incidente com os atletas. Nela, Lewandowski e Coman aparecem com as mãos em punho, em sinal de luta, enquanto Niklas Süle e Jerome Boateng surgem atrás como os dois primeiros companheiros que tentaram separá-los.

Segundo os jornais alemães "Bild" e "TZ", Lewandowski e Coman trocaram socos após uma briga e precisaram ser contidos pelo elenco inteiro. De acordo com as publicações, a confusão se iniciou quando o polonês criticou francês por errar jogadas.

O francês não gostou das reclamações, discutiu com o colega e a briga chegou às vias de fato, com ambos trocando socos.

Os zagueiros Niklas Süle e Jerome Boateng tentaram separar os brigões, sem sucesso, dada a intensidade da briga. Após uma conversa com o técnico Niko Kovac, a atividade continuou normalmente, inclusive com o francês e o polonês.

Fonte: Extra

Veja Também