Palmas - TO domingo, 16 de dezembro de 2018

Corinthians e Cruzeiro iniciam disputa por título de R$ 50 milhões

Futebol

10/10/2018 09h42 - Atualizado em 10/10/2018 09h46
Foto: Divulgação

Corinthians e Cruzeiro entram em campo para iniciar a disputa pelo título da Copa do Brasil. A primeira partida está marcada para às 21h45, desta quarta-feira (10), no Mineirão. A volta será na Arena Corinthians, no mesmo horário, no dia 17 (quarta).

Em campo, teremos oito títulos de Copa do Brasil. O Cruzeiro divide o posto de maior vencedor com o Grêmio. Ambos tem cinco títulos. O time mineiro venceu em 1993, 1996, 2000, 2003 e 2017. Caso a Raposa consiga vencer mais esta edição, se torna bicampeã e a maior ganhadora da história da competição, com seis títulos.

O Corinthians possui três taças. Elas foram conquistadas em 1995,2002 e 2009.

O vencedor desta decisão leva, além de uma vaga para a Libertadores 2019, um prêmio de R$ 50 milhões. O vice-campeão fatura R$ 20 milhões.

Nada de mistério

Para este confronto, Jair Ventura não escondeu o time e fez um treino aberto no dia anterior à decisão. A definição dos 11 que vão enfrentar o Cruzeiro saiu apenas durante esse treino.

Sem poder contar com o volante Douglas, que cumpre suspensão, o treinador vai escalar o volante Gabriel. Na defesa, o retorno de Fagner é certo. O lateral-direito do Timão estava sem atuar há duas semanas e foi evoluindo em sua recuperação aos poucos. Jair, inclusive, o poupou da última partida para tê-lo na partida contra o Cruzeiro.

Com estas modificações, o time formado que vai a campo é: Cássio, Fagner, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Gabriel; Romero, Jadson, Mateus Vital e Clayson.

Além de Douglas, existem outros desfalques. Dois por problemas médicos e outros três por que já jogaram por outros clubes e não podem atuar pelo Timão. São eles: Renê Júnior (lesão no joelho esquerdo) e Paulo Roberto (inflamação na coxa esquerda), Matheus Matias, Rodrigo Figueiredo e Roger.

Ficam responsáveis pela arbitragem Anderson Daronco, com auxílio de Alessandro Alvaro Rocha de Matos e Fabricio Vilarinho da Silva; Árbitro de vídeo: Wilton Pereira de Sampaio

Duelo histórico

Em 1998, Cruzeiro e Corinthians também protagonizaram uma final. Não era de Copa do Brasil e sim decisão de Brasileirão.

Três jogos foram disputados pelas equipes para ver quem levantava a taça daquele ano. O primeiro jogo, em Belo Horizonte, o resultado foi 2 a 2. Na segunda, em São Paulo, novamente um empate (1 a 1). Na última, novamente em território paulista, o Timão venceu por 2 a 0 e levantou a taça.

Campanha deste ano

Por estar disputando a Copa Libertadores deste ano, Cruzeiro e Corinthians entraram na Copa do Brasil a partir das oitavas de final da competição.

A caminhada do alvinegro começou contra o Vitória. O time, que na época era comandado por Osmar Loss, empatou o primeiro jogo fora de casa, em 0 a 0, e depois venceu por 3 a 1. Nas quartas de final, o Corinthians encarou a Chapecoense e venceu por 1 a 0 os dois jogos. Agora na semifinal, o Timão eliminou o Flamengo, por 2 a 1, após um 0 a 0 na primeira partida.

O Cruzeiro venceu o Atlético-PR, nas oitavas, por 2 a 1, e empatou em 1 a 1. Nas quartas, a Raposa venceu o Santos por 1 a 0 e, depois de perder por 2 a 1 no tempo normal, conseguiu se classificar nos pênaltis. Na semifinal os comandados de Mano Menezes venceram o Palmeiras por 1 a 0 e empataram em 1 a 1 depois.

Um detalhe sobre a campanha do Cruzeiro na Copa do Brasil merece destaque: será a primeira vez que o clube vai decidir uma fase da competição fora de casa. Desde as oitavas, tudo foi decidido no Mineirão.

Fonte: A Tribuna 

Veja Também