Palmas - TO domingo, 19 de agosto de 2018

Guarda Metropolitana de Palmas completa 25 anos

09/02/2018 17h03 - Atualizado em 09/02/2018 17h05
Foto: Aline Batista

Criada pela Lei Complementar nº 001, a Guarda Metropolitana de Palmas (GMP) completa 25 anos nesta sexta-feira, 09. A corporação tem se destacado por desenvolver ações que buscam a ordem e a paz social, com atuação preventiva e repressivamente. Além das atividades de ronda e patrulhamento das vias e praças públicas realizadas por meio do grupamento operacional, da Ronda Ostensiva Municipal (ROMU), de Ações Táticas com Cães e da equipe Guarda Quarteirão; a GMP atua na fiscalização ambiental, em ações básicas de segurança preventiva com o Guardião Escolar e no Projeto Social da Banda Mirim.

“A GMP, sem dúvida, tem o respeito e o apoio da sociedade, uma vez que desenvolve ações que somam com as demais forças de segurança,” destacou o secretário Municipal de Segurança e Mobilidade Urbana (Sesmu), major Leonardo.

Ainda em 1993 foi realizado o primeiro concurso público para a GMP. Instituída, inicialmente, com o propósito de oferecer a proteção dos bens públicos, a GMP tem ao longe desses anos diversificado suas frentes de trabalho.

O divisor de águas na história das Guardas Municipais brasileiras foi a aprovação da Lei Federal 13.022/2014. O Projeto de Lei que adequa o Município à legislação federal já está em trâmite na Câmara Municipal, tendo sido aprovada em 1º turno, aguardando mais duas votações. A norma foi além de regulamentar o parágrafo 8º do artigo 144 da Constituição Federal, regulamentou e ampliou o campo de atividades que a instituição desenvolve.

Guarda metropolitano há 21 anos, Aloísio Pereira de Souza, fez hoje uma retrospectiva. “Acredito que ainda teremos muitas lutas para que nossa instituição melhore ainda mais, mas já tivemos períodos mais difíceis. A Guarda Metropolitana evoluiu muito e hoje se destaca não só no cuidado com prédios e instalações Públicas, mas também promovendo a segurança e a paz social.”





Veja Também