Palmas - TO domingo, 20 de agosto de 2017

Paraibano é eleito melhor atleta paralímpico de julho

10/08/2017 09h34 - Atualizado em 10/08/2017 09h35
Foto: Divulgação

O paraibano Petrúcio Ferreira foi escolhido o atleta do mês de julho pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC, na sigla em inglês). O resultado foi anunciado nesta quarta-feira (9). O atleta de 20 anos foi o preferido de 40% do público, que pôde votar por meio do site do IPC.

O brasileiro teve 3% a mais dos votos do que o segundo colocado, o tenista sueco Stefan Olsson. O dinamarquês Daniel Wagner foi o terceiro mais votado, com 19%. A tenista holandesa Diede de Groot e a corredora em cadeira de rodas Tatyana McFadden também haviam sido indicadas para a premiação.

Petrúcio superou nomes de destaque tanto do Mundial de Atletismo Paralímpico de Londres quanto do torneio de tênis em cadeira de rodas de Wimbledon, também disputado na capital britânica.

"Só tenho a agradecer, principalmente àqueles que tiraram um pouco do tempo para votar. É incrível levar o nome do Brasil ao topo em mais uma disputa e saber que estou representando bem nossa nação", afirmou Petrúcio, que sofreu um acidente com uma máquina de moer capim aos dois anos e perdeu parte do braço esquerdo.

Petrúcio foi o principal nome do mundial de Londres ao conquistar duas medalhas de ouro e bater dois recordes mundiais. Em sua primeira prova, venceu os 100m T47 (amputados de braço) com o tempo de 10s53 – quatro centésimos mais rápido do que sua antiga marca.

Em seguida, retornou ao Estádio Olímpico e superou o tempo dos 200m ao vencer em 21s22. O antigo recorde mundial da distância era de 21s49 e também pertencia a ele.

Além dos dois títulos conquistados no Mundial, Petrúcio Ferreira é também o atual campeão paralímpico dos 100m T47, além de ter sido medalhista de prata nos 400m nos Jogos Rio 2016.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Comitê Paralímpico Brasileiro

Veja Também